Como melhorar o desempenho do computador com Windows 10

Como melhorar o desempenho do computador com Windows 10

Dicas

Tutorial reúne cinco dicas para reduzir consumo de recursos e aumentar velocidade do sistema

Há muitas maneiras de melhorar o desempenho do computador, uma delas é reduzir o consumo de recursos do sistema. Essa saída é uma das formas mais fáceis e econômicas, pois não requer instalação de hardware ou software. Alterando simples configurações é possível ter ganho em performance no PC ou notebook.

O TechTudo listou cinco maneiras eficientes para diminuir atividades desnecessárias do sistema e deixar o computador mais rápido. As dicas são voltadas para máquinas com Windows 10, mas os passos podem ser adaptados para outras versões do sistema da Microsoft.

Veja como melhorar o desempenho do computador com Windows 10  (Foto: Zíngara Lofrano/TechTudo)

Veja como melhorar o desempenho do computador com Windows 10 

Ajuste efeitos visuais para melhor desempenho

Passo 1. Digite “Ajustar a aparência e o desempenho do Windows” no campo de texto da barra de tarefas. Clique sobre essa ferramenta do Painel de Controle nos resultados da pesquisa;

Abertura da ferramenta Ajustar a aparência e o desempenho do Windows (Foto: Reprodução/Raquel Freire)

Abertura da ferramenta Ajustar a aparência e o desempenho do Windows 

Passo 2. Mantenha-se na aba “Efeitos visuais” e selecione “Ajustar” para obter um melhor desempenho”. Depois clique nos botões “Aplicar” e “OK”, nessa ordem.

Ajuste de efeitos visuais para melhor desempenho do Windows 10 (Foto: Reprodução/Raquel Freire)

Ajuste de efeitos visuais para melhor desempenho do Windows 10 

Retire alguns programas da inicialização do Windows

Passo 1. Dê um “Ctrl + Alt + Del” e abra o Gerenciador de tarefas. Se for exibido em versão simplificada da ferramenta, clique em “Mais detalhes”;

Gerenciador de tarefas do Windows com tela simplificada (Foto: Reprodução/Raquel Freire)

Gerenciador de tarefas do Windows com tela simplificada 

Passo 2. Clique na aba “Inicializar” e veja quais programas aparecem com status “Habilitado”. Selecione o programa que você não quer que seja carregado na inicialização do Windows e pressione o botão “Desabilitar”;

Desativação de programa na inicialização do Windows (Foto: Reprodução/Raquel Freire)

Desativação de programa na inicialização do Windows 

Passo 3. Faça isso com todos os programas que, na sua opinião, não precisam iniciar junto com o Windows.

Programas retirados da inicialização do Windows (Foto: Reprodução/Raquel Freire)

Programas retirados da inicialização do Windows 

Remova animações

Passo 1. Clique no ícone da Central de Ações do Windows 10, localizado no canto direito da tela, na barra de tarefas. Depois entre em “Todas as Configurações”;

Acesso às configurações do Windows 10 (Foto: Reprodução/Raquel Freire)

Acesso às configurações do Windows 10 

Passo 2. Entre na opção “Facilidade de Acesso”;

Destaque para menu

Destaque para menu “Facilidade de Acesso” do Windows 10 

Passo 3. Na coluna à esquerda, clique sobre “Outras opções”. Na parte à direita da tela, localize a opção “Reproduzir animações no Windows” e deixe a chave na posição desativada.

Desativação da reprodução de animações no Windows (Foto: Reprodução/Raquel Freire)

Desativação da reprodução de animações no Windows 

Desative transparências

Passo 1. Na tela principal de configurações do Windows, entre em “Personalização”;

Destaque para menu

Destaque para menu “Personalização” nas configurações do Windows 10 

Passo 2. Selecione o menu “Cores” na coluna da esquerda. À direita, ache a opção “Deixar o menu Iniciar, a Barra de Tarefas e a Central de Ações transparentes” e desative a chave.

Desativação de efeitos de transparência no Windows 10 (Foto: Reprodução/Raquel Freire)

Desativação de efeitos de transparência no Windows 10 

Tire efeitos de som

Passo 1. Com o botão direito do mouse, clique sobre o ícone de alto-falante na barra de tarefas. Selecione a opção “Sons”;

Caminho para configurações de som do Windows  (Foto: Reprodução/Raquel Freire)

Caminho para configurações de som do Windows 

Passo 2. A configuração “Esquema de som” estará como “Padrão do Windows”. Toque na setinha ao lado e selecione “Nenhum Som”;

Escolha do esquema do Windows sem nenhum som de efeito (Foto: Reprodução/Raquel Freire)

Escolha do esquema do Windows sem nenhum som de efeito 

Passo 3. Note que os ícones de alto-falante presentes na caixa “Eventos de Programa” desapareceram. Pressione o botão “Aplicar” e, depois, o botão “OK”.

Aplicação do esquema sem som para ações do Windows (Foto: Reprodução/Raquel Freire)

Aplicação do esquema sem som para ações do Windows

Pronto! Com estas dicas, você pode otimizar o desempenho do seu PC ou notebook com Windows 10 de forma rápida e sem gastar nada.

Como (e por que) mudar o seu endereço MAC no Windows, Linux e macOS

Como (e por que) mudar o seu endereço MAC no Windows, Linux e macOS

Dicas

O endereço MAC de um dispositivo é atribuído pelo fabricante. Cada interface de rede conectada — seja seu roteador, seu aparelho sem fio ou sua placa de rede no computador — possui um endereço de controle de acesso de mídia exclusivo. Esses endereços, às vezes chamados de endereços físicos, são atribuídos durante a fabricação do hardware. Veja nesse tutorial como mudar o seu endereço MAC seja no Windows, no Linux ou no macOS.

Descubra como (e por que) mudar o seu endereço MAC no Windows, Linux e Mac (Foto: Edivaldo Brito/TechTudo)

Descubra como (e por que) mudar o seu endereço MAC no Windows, Linux e Mac

No nível de rede mais baixo, as interfaces conectadas a uma rede usam endereços MAC para se comunicarem umas com as outras. Quando um navegador no seu computador precisa abrir uma página da Web a partir de um servidor na Internet, por exemplo, essa solicitação passa por várias camadas do protocolo TCP/IP.

O endereço Web que você digita é traduzido para o endereço IP do servidor. Com isso, o seu computador envia o pedido ao seu roteador, que o envia para a Internet. No nível de hardware, porém, sua placa de rede está apenas considerando outros endereços MAC para interfaces na mesma rede. Para, então, enviar a solicitação para o endereço MAC da interface de rede do seu roteador.

Além do uso principal de rede, os endereços MAC são frequentemente usados ​​para outros fins como atribuição estática de IP, filtragem de endereços MAC, autenticação baseada em MAC, identificação e rastreamento do dispositivo.

Por causa dessa variedade de usos, alterar essa identificação do adaptador de rede pode ser útil para isolar e até resolver eventuais problemas de conexão com a Internet e redes em geral. Se você usa Windows, mac OS ou Linux, veja como fazer essa modificação.

Como mudar o seu endereço MAC no Windows

Passo 1. Abra o Gerenciador de Dispositivos. Para isso, pressione as teclas ”Windows + X” simultaneamente. No menu que aparecer, clique em “Gerenciador de dispositivos”;

Executando o Gerenciador de dispositivos no Windows (Foto: Edivaldo Brito/TechTudo)

Executando o Gerenciador de dispositivos no Windows 

Passo 2. No Gerenciador de dispositivos, clique na seta ao lado da seção “Adaptadores de rede”. Em seguida, clique com o botão direito do mouse na interface de rede que deseja modificar. No menu que aparecer, clique na opção “Propriedades”;

Acessando as propriedades da placa de rede (Foto: Edivaldo Brito/TechTudo)

Acessando as propriedades da placa de rede

Passo 3. Na janela de propriedades, clique na guia “Avançado”. Em seguida, clique em “Network Address” (“Endereço de rede” ) na lista “Propriedade”. Se você não visualizar esta opção, o seu driver de rede não suporta esse recurso. Ative a opção “Valor” e digite o endereço MAC desejado sem nenhum caractere de separação: não use traços ou dois pontos. Finalmente, clique em “OK” quando terminar.

Mudando o endereço MAC no Windows (Foto: Edivaldo Brito/TechTudo)

Mudando o endereço MAC no Windows 

Como mudar o seu endereço MAC no Linux

As distribuições Linux modernas, como o Ubuntu, normalmente usam um gerenciador de conexões, que fornece uma maneira gráfica de falsificar um endereço MAC. Veja como usar isso para mudar o seu endereço MAC no Linux.

Passo 1. Clique no ícone do gerenciador de conexões no painel do Ubuntu. No menu que será exibido, clique na opção “Editar conexões…”;

Acessando a opção

Acessando a opção “Editar conexões…” no gerenciador de conexões

Passo 2. Na janela que será exibida, clique na conexão e depois no botão “Editar”;

Iniciando a edição de uma conexão ethernet (Foto: Edivaldo Brito/TechTudo)

Iniciando a edição de uma conexão ethernet 

Passo 3. Na próxima janela, clique na guia “Ethernet”. Dentro do campo “Endereço MAC clonado”, digite o endereço MAC que você quer usar nessa placa de rede. Para efetivar, clique no botão “Salvar”;

Mudando o endereço MAC da placa de rede no Linux (Foto: Edivaldo Brito/TechTudo)

Mudando o endereço MAC da placa de rede no Linux 

Você também pode fazer isso usando um terminal. Nos comandos abaixo, lembre-se de substituir “eth0″ pelo nome da interface de rede que deseja modificar e ”xx:xx:xx:xx:xx:xx’ pelo endereço MAC de sua escolha.

Derrube a interface de rede com o comando: ”sudo ifconfig eth0 down” (sem as aspas);

Depois, para mudar seu endereço MAC, execute o comando: ”sudo ifconfig eth0 hw ether xx:xx:xx:xx:xx:xx” (sem as aspas);

Em seguida, levante a interface de rede com o comando: ”sudo ifconfig eth0 up” (sem as aspas);

Você terá que modificar o arquivo de configuração apropriado em /etc/network/interfaces.d/ ou em /etc/network/interfaces, se você deseja que essa alteração tenha sempre efeito no momento da inicialização. Se você não fizer isso, seu endereço MAC será reiniciado quando você reiniciar o computador.

Como mudar o seu endereço MAC no macOS

Passo 1. Execute o Terminal do macOS. Para isso, pressione as teclas Command + Barra de espaço para abrir a busca do sistema. Digite “terminal” (sem as aspas), e em seguida, clique no programa quando ele aparecer na lista de resultados;

Executando o Terminal no Mac (Foto: Edivaldo Brito/TechTudo)

Executando o Terminal no Mac

Passo 2. Execute o comando “sudo ifconfig en0 xx:xx:xx:xx:xx:xx” (sem as aspas) e tecle Enter. Lembre-se de substituir ”en0” pelo nome da interface de rede e ”xx:xx:xx:xx:xx:xx” pelo endereço MAC que você quer usar.

A interface de rede geralmente será ”en0” ou ”en1”, dependendo se você deseja configurar uma interface Wi-Fi ou Ethernet do Mac. Se não tiver certeza do nome da interface de rede apropriada, execute o comando ”ifconfig” no terminal, para ver uma lista de interfaces.

Pronto! Agora, sempre que precisar, basta usar um dos procedimentos e mudar o endereço MAC do seu computador.

FONTE

Quer ganhar curtidas no Instagram? App Like indica hashtags de sucesso

Quer ganhar curtidas no Instagram? App Like indica hashtags de sucesso

Dicas

Like é um aplicativo simples e grátis para Android que faz indicações das melhores hashtags para usar nas suas fotos do Instagram. O recurso é bem interessante para quem quer conseguir seguidores e likes. Até 30 hashtags – máximo que é suportado pelo Instagram – são facilmente copiadas para a área de transferência do celular e coladas na rede social de fotos.

Veja, no tutorial a seguir, como usar o Like para adicionar hashtags aos seus posts. Para usar a ferramenta, é necessário ter um perfil público. Vale ressaltar que o aplicativo está disponível para download apenas para usuários do sistema do Google.

Passo 1. Instale o Like em seu celular. Ao iniciá-lo pela primeira vez, é necessário fazer login com a sua conta do Instagram. Um alerta, então, informará que o aplicativo funciona apenas com contas abertas.

Faça login com a sua conta do Instagram (Foto: Reprodução/Helito Bijora)

Faça login com a sua conta do Instagram 

Passo 2. Estão disponíveis, respectivamente, hashtags sobre animais, arte e fotografia, eletrônicos e celulares, entretenimento, família e crianças, moda e pedidos de seguidore, curtidas e comentários. Após escolher a categoria, toque sobre o tema desejado. Agora é só tocar em “Copy and start Instagram” para copiar as hashtags e abrir o app da rede social.

Copiando hashtags para o Instagram (Foto: Reprodução/Helito Bijora)

Copiando hashtags para o Instagram 

Passo 3. No Instagram, tudo que você deve fazer é colar as hashtags (todas em inglês) no momento em que for postar a foto. Caso queira, você pode editar o texto e adicionar ou remover hashtags antes de publicar a imagem na rede social.

Usando hashtags sugeridas pelo Like (Foto: Reprodução/Helito Bijora)

Usando hashtags sugeridas pelo Like

Aproveite o aplicativo para escolher as melhores hashtags e conseguir mais seguidores e curtidas no Instagram. Ao escolher bem uma hashtag, são maiores as suas chances de aparecer em destaque na busca e também na seção de “Descobrir” da rede social.

FONTE

“Os celulares já estão mortos”, diz Microsoft

“Os celulares já estão mortos”, diz Microsoft

Notícia

A Microsoft sabe que o bonde do smartphone já passou. A situação do mercado é evidente: as vendas pararam de crescer e o ritmo de inovação está declinando. Falta, no entanto, apresentar a novidade que faça com que o público abandone o retângulo de vidro que tem nos bolsos.

A fala de Satya Nadella foi emblemática ao afirmar que os próximos celulares da empresa “não vão se parecer com os celulares que existem hoje”, simplesmente porque a Microsoft acredita que novas coisas estão a caminho e que elas ão além do smartphone convencional. Isso se reflete na fala de Alex Kipman, o brasileiro que liderou o desenvolvimento do primeiro Kinect e que hoje está no comando do HoloLens.

Em entrevista com a Bloomberg, Kipman foi enfático: “os celulares já estão mortos”, ele disse. Logo em seguida, complementou que “as pessoas simplesmente ainda não perceberam” que a transição já começou.

Mas o que vem por aí, então? Para isso, nós podemos olhar além da Microsoft. Durante evento recente do Facebook, a rede social também apontou que em um prazo de cinco anos poderemos começar a ver óculos substituindo os celulares, embora a transição demore alguns anos para ser completada. Mark Zuckerberg, inclusive, chegou a apresentar uma ideia de um par de óculos que tem uma aparência comum, mas que são capazes de funcionar como visores de realidade aumentada.

Neste sentido, o HoloLens se encaixa perfeitamente com a visão de futuro tanto da Microsoft quanto do Facebook. O problema é que hoje a tecnologia ainda não está pronta para adoção em massa. O visor é grande demais, pesado demais, caro demais e com bateria limitada, que impediria que a tecnologia fosse usada, por exemplo, nas ruas ou dentro de um ônibus. Mas quem sabe alguns anos de pesquisa e desenvolvimento não trazem evoluções significativas em termos de portabilidade e acessibilidade?

Se, de fato, a realidade mista ou a realidade aumentada forem a próxima grande plataforma de computação pessoal, a Microsoft leva vantagem em relação aos concorrentes. Se a empresa perdeu o bonde dos telefones celulares e viu o Windows 10 Mobile ter participação de mercado cada vez mais perto do zero, o HoloLens ainda não tem um concorrente à altura. Resta acompanhar os próximos capítulos.

WhatsApp facilita formatação de texto com negrito e itálico

WhatsApp facilita formatação de texto com negrito e itálico

Dicas

O WhatsApp está testando um recurso que vai facilitar demais a formatação de texto no aplicativo. Com a função nova, encontrada na versão beta disponível para testadores registrados, será possível aplicar efeitos de negrito, itálico e tachado sem precisar usar símbolos.

Quando o WhatsApp anunciou a possibilidade de aplicação desses efeitos, o recurso foi bem-vindo pelos usuários por permitir reforçar emoções e dar ênfase em algumas mensagens. O problema é que a utilização nunca foi exatamente prática. Afinal de contas, quem quer ficar digitando til, asterisco ou underscore para isso?

Com a atualização, que não deve demorar muito para chegar a todo o público, basta selecionar o texto enquanto você digita e escolher a opção de formatação. É um processo muito mais natural, que deve tornar o uso mais fácil e difundido, sem depender de “códigos secretos”.

Veja como vai funcionar:

1. Digite algum texto

2. Selecione o que deseja destacar e toque no ícone dos três pontinhos

Reprodução

3. Selecione uma opção de formatação

Reprodução

4. Veja o resultado

Reprodução